Conheça a VW mini bike

VW Mini bike

Não é nova a estratégia de reaproveitar peças antigas de carros para a produção de novas peças e reutilização em outros modelos. Entretanto, utilizar essas peças velhas para construir mini motos é bastante inovador. A VW mini bike né exatamente isso, o resultado desse processo criativo que dá vida nova a peças velhas. Porém, este não é o único modelo de uma linha de VW Bugs a se transformar em algo novo. Na verdade, é apenas o último de seus lançamentos.

Chamada pelo seu criador, carinhosamente, de ‘Volkspod’, o veículo é um simpático tipo de casulo sobre duas rodas. Sua aparição em visual retrô remete aos anos 90. Porém, a VW mini bike já ganhou status icônico desde o lançamento e não teve significativas alterações no design ao longo dos anos durante a sua produção. Até deixar de ser fabricada, em 2003, seu design bulboso sempre foi uma inspiração.

Estrutura da VW mini bike

Conforme já dito, a principal característica da VW mini bike é quanto ao reaproveitamento dos para-lamas dos carros. Após serem unidos elas formam o sistema de luz traseiro e dianteiro. Assim, quanto aos faróis, a scooter possui um de grandes proporções. Quanto a sua proporção, é gigantesca, sendo comparada com um ciclo sobre rodas. O design retrô ganha ainda mais destaco por causa do desenho do guidão e selim. Ambos remetem a equipamentos de bicicletas, prometendo agregar boas lembranças ao usuário. Além disso, a VW ostenta, orgulhosamente, à frente de cada motocicleta, a sua logo, a fim de não deixar passarem desapercebidas valores de origem da criação.

Obviamente, o modelo não foi criado para ser uma grande potência automobilística. Pelo menos, não no sentido de especificações mecânicas poderosas. Seu motor se desenvolve até o limite de 79 cc o que reforça sua condição de scooter. Para conservar o seu estilo vintage, a VW mini bike conserva as cores originais do Fusco; verde e azul pastel. Ao fim de tudo, a referência sempre será a do carro do povo.

Powered by Rock Convert

Sobre o Seu Criador

É comum o senso de que o Fusca é um carro histórico. Criado originalmente para ser o “Carro do Povo”, a proposta atingiu o objetivo com sucesso. Com tanto sucesso e história, o Fusca não poderia, jamais cair no esquecimento. Assim, pensando em eternizar a imagem do icônico veículo, o americano Brent Walter pensou em formas de fazer a imagem perdurar. Para concretizar o objetivo, a maneira mais efetiva que encontrou foi reaproveitar as peças dos carros na criação de coisas novas. Então, nasce a VW mini bike.

Apesar de seu grande sucesso como criador de scooters, esta não era a atividade de Brent Walter. Como profissão, o que ele faz é gerenciar a fabricação de aparelhos médicos. Mas, seu hobbie de inventar motocicletas trouxe a história até aqui. Após o processo de criação, Brent Walter batizou o veículo com o nome de Volkspod. Talvez nem ele mesmo imaginasse que, aquilo que criara apenas para testar suas habilidades, uma dia viria a se tornar motivo de paixão automobilística.

Embora claramente se remeta ao fusca quando se olha para o veículo, não há que se negar a VW mini bike possui um designe peculiar. Seu formato lembra um inseto e, embora a montadora esteja se despedindo da produção desse veículo, ao ser vista na rua, a motocicleta é reconhecida facilmente. Uma grande prova do seu sucesso é que, ainda hoje é comum encontrá-las em jogos de corrida, por exemplo, tanto retrô quanto moderna.

Em virtude da disseminação do processo de produção da WV mini bike, mesmo que a própria VW esteja parando com a sua produção, não será muito difícil encontrar por aí modelos parecidos.

[]
1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
Powered by Rock Convert