A importância da manutenção do tambor de freio

tambor de freio

O tambor de freio está entre as peças mais substituídas dos caminhões. Sempre que apresentar rachaduras ou trincas, ele deve ser imediatamente trocado.

Fizemos este post para mostrar a importância do tambor de freio e quais as suas funcionalidades. Não deixe de conferir!

Qual a importância do tambor de freio?

Geralmente um freio a tambor é fabricado de ferro fundido. Dentro dele existem duas sapatas semicirculares englobadas por lonas fixas. Essas lonas são fabricadas a partir de fibras sintéticas, resinas, grafites e outros agentes.

O freio a tambor é incumbido de gerar atrito entre o tambor e as lonas de freios e, como resultado, frear o veículo. Na teoria pode ser simples, no entanto, esses mecanismos são utilizados para frear com eficiência caminhões que transportam cerca de 50 toneladas de carga.

Os proprietários de caminhões devem conhecer bem a procedência deste produto, pois os mínimos detalhes fazem a diferença entre as várias opções que existem no mercado de reposição.

Powered by Rock Convert

O tambor de freio pode ser mais denso ou disperso, e esse é um detalhe que muda de acordo com a sua fabricação. Geralmente os materiais utilizados pelas fábricas são os mesmos, o que muda são as formas de produção. Para uma aplicação com mais eficiência, o ideal é ser mais denso. A qualidade do material não é visivelmente notada, por isso a importância em conhecer bem os fabricantes da peça.

Como identificar problemas no tambor?

Os motoristas devem avisar os proprietários dos caminhões quando sentirem que no momento em que o pedal de freio é ativado, o veículo demorar a parar. Além desse sinal, devem ficar atentos quanto a:

  • Ruídos excessivos nas rodas;
  • Sinais de vibrações ou pulsações;
  • Calor em excesso nas rodas.

Quais medidas se devem tomar para preservar o tambor?

O motorista deve ter cuidados especiais para conduzir os caminhões, como o exemplo dos freios, ele não deve ser utilizado de forma indevida, pois essa atitude provoca o superaquecimento de todo o conjunto que está englobado ao tambor, que é produzido para suportar temperaturas de até 420 ºC, se está acima do ideal, a efetividade na frenagem é comprometida em até 50%. Além disso, o motorista deve aderir outras técnicas, como:

  • Utilizar com mais frequência o freio motor ou os retardadores: Essa técnica reduz os gastos de tambores e auxilia na frenagem dos veículos.
  • Quando estiver descendo morros, os caminhões devem estar com a marcha engatada.
  • É necessário também manter uma boa distância dos veículos que estão à frente, pois assim será evitado freadas bruscas.

Como realizar a manutenção?

  • Independentemente da necessidade de troca, os tambores de freios devem ser averiguados a cada 5.000 km.
  • No momento da troca, as lonas também devem ser substituídas com os tambores.
  • É importante fazer a troca em oficinas especializadas para assim evitar falhas mecânicas.

Agora que você já sabe como funciona o processo, fique atento quanto as questões que envolvem os freios do seu caminhão! Ficou com alguma dúvida? Deixe-nos um comentário.

Água do radiador: Fique atento ao nível

[]
1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.