Como o corona vírus pode atrapalhar a produção de carros mundial

corona vírus

É difícil imaginar como um vírus pode impactar a economia mundial. Ainda mais quando esse vírus ter sido originado no outro lado do planeta. Entretanto, é isso que o corona vírus está causando no mundo. Na verdade, talvez seja um pouco de exagero falar em ruína econômica mundial, porém, um expressivo impacto na produção de veículos vem sido causado na produção. E isso, sim, pode ter efeitos em escala mundial.

O fato é que a ocorrência do vírus tem origem no maio produtor mundial de veículos do mundo. Mais do que isso, uma parte significativa da produção de componentes automobilísticos da China está concentrada em regiões próximas à província Hubei. E, esta é a localização onde se encontra o epicentro do corona vírus.

O Que se Sabe Sobre o Vírus?

Devido à novidade do vírus, ainda não é possível precisar todas as informações sobre o assunto. Porém, o que já se sabe é que o vírus teve seu início em um grande mercado de frutos do mar na cidade de Wuhan, na China. Apesar de ter sido manifestado primeiro na China, há casos confirmados em mais de vinte países.

Entretanto, medidas estão sendo tomadas em relação a questão. Nos casos de viagens internacionais, por exemplo, há um esquema especial de segurança montado nos aeroportos. Também, alguns países, especialmente os que fazem fronteira com a China, estão tomando atitudes mais severas. Isso implica, inclusive no fechamento de fronteiras. Além disso, os países estão montando estratégias de contenção e tratamento para os pacientes que manifestem os sintomas. Porém, embora seja um alarmante caso com proporções mundiais, ainda não motivo para pânico no Brasil. Afinal, por aqui, não se viu o registro de nenhum caso efetivamente confirmado.

Powered by Rock Convert

Como o Corona Vírus Afeta a Produção de Automóveis?

Pelo fato de ter se originado na China, especificamente na região onde está concentrada grande parte da produção automobilística ou de componentes dessa produção, o corona vírus têm afetado a produção mundial de veículos. Isso porque, exatamente a província responsável por grande parte da produção é também o centro da manifestação do vírus. Uma das cidades mais afetada, por exemplo, trata-se de Wuhan, uma grande metrópole chinesa com um grande contingente de habitantes e de fábricas automobilísticas. Alguns grandes nomes do mundo veículos como GM, Nissan, Renault, Peugeot, Citroën, DS e Honda são exemplos de marcas que têm veículos produzidos em Wuhan.

Com o aparecimento e disseminação do vírus, a força de trabalho foi afetada, já que grande parcela da população foi confinada para evitar o contágio. Entretanto, há outros impactos que acontecem em efeito cadeia. Afinal, ainda que os veículos e componentes continuasse a ser produzidos, por causa do corona vírus, ficariam impossibilitados de serem escoados. Isso porque as formas modais desse escoamento também foram interrompidas ou drasticamente reduzidas Além, de Wuhan, outros polos industriais foram igualmente atingidos.

O que acontece é que todo o restante do mundo, de alguma forma, depende da produção automobilística chinesa. Dessa forma, o fato de incontáveis indústrias terem suspendido sua produção durante a atuação do corona vírus pode, sim, ter afetado a produção. Principalmente por causa da falta de abastecimento de componentes automobilísticos de que alguns países necessitam para efetivar a produção de seus veículos.

A boa notícia é que, devido a aproximação do Ano Novo Chinês, as fábricas já tinha se preocupado em antecipar a produção. Afinal, trata-se de do maior e mais importante feriado do povo chinês. E, apesar de não se saber até quando esses estoques durarão, as expectativas já são melhores, visto que, aos poucos, a China já está retomando a produção. Mesmo que o ritmo demore um pouco a normalizar, é um alívio ver as coisas voltando a funcionar.

[]
1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
Powered by Rock Convert