Leilão de carros: como funciona

leilão de carros

Embora adquirir um veículo por meio de leilão de carros seja uma proposta atrativa, é importante que antes da compra, se reúna informações sobre o assunto. Não é possível negar as vantagens no preço de um veículo de leilão, afinal, ele pode custar um valor até 30% abaixo da tabela Fipe. Entretanto, além do preço, outros aspectos merecem consideração e cuidado.

Além de saber como funciona o processo de compra de um veículo através de um leilão de carros, é preciso também quais riscos se corre.

O Que é Leilão de Carros

Na prática, o leilão de carros é uma venda pública de veículos. Através dela é possível adquirir veículos que tenham sido apreendidos pelos órgãos de trânsito, que não tiveram suas prestações de financiamentos pagas, ou que apresentem algum tipo de defeitos causados por eventos como enchentes e outros.

Através do leilão o adquirente pode arrematar um carro considerado conservado ou em estado de sucata. Esse estado é a escolha do comprador, que optará por um veículo que atenda às suas necessidades.

Como Funciona Um Leilão de Carros

O primeiro passo a ser dado antes de se adquirir um veículo de leilão é a observação de seu edital. A propósito, é neles que estão as regras de funcionamento do leilão, bem como o processo de arrematação e pagamento. Ao observar com atenção o edital, o possível comprador evita problemas cujo surgimento já estejam previstos.

Em seguida, o comprador deve observar os lotes de veículos oferecidos. As ofertas são feitas através de anúncios individuais. Assim, o interessado pode verificar antes quais as ofertas lhe interessam, e dar o seu lance quando ele for anunciado.

Powered by Rock Convert

Quando o leilão se trata de recuperação financeira, a organização é feita pelos próprios bancos detentores dos direitos. Eles se encarregam de informar aos interessados sobre os leilões e proceder com todos os trâmites.

Há também a possibilidade de o leilão ser feito através de montadoras. Isso acontece com veículos que são usados para testes ou outras operações internas. Talvez essa seja uma das modalidades de leilão de carros mais lucrativas, haja vista o bom estado de conservação em que os veículos geralmente estão.

Além disso, um leilão também pode ser oferecido por seguradoras. Nessa modalidade, os veículos geralmente são frutos de recuperações de furtos, roubos ou sinistros. Por essa razão, esta nem sempre é uma modalidade atrativa.

Vantagens e Desvantagens de se Adquirir um Veículo de Leilão

A primeira vantagem de se adquirir um veículo em um leilão de carros é o preço. Afinal, conforme já dissemos aqui, um veículo adquirido em leilão pode custar até 30% a menos do que a tabela Fipe indica. Além disso, ao comprar um veículo em um leilão de carros, o novo dono fica isento de dívidas anteriores do veículo em relação ao IPVA.

Entretanto, adquirir um veículo em um leilão também pode trazer alguns riscos. Um deles é o estado em que o veículo adquirido se encontra. Aliás, embora os veículos fiquem disponíveis para visitação um dia antes do leilão, não é permitido que os interessados façam testes dos mesmos. Para que não haja surpresas, é importante que o comprador vá ao leilão acompanhado de um mecânico de sua confiança. Além disso, na compra efetuada através de leilão o pagamento deve ser efetuado no ato da compra. Há também, como ponto desvantajoso o fato de algumas seguradoras se negarem a cobrir veículos adquiridos em leilão.

 

Diante de todas essas questões, é importante que os interessados evitem a compra de um veículo baseada na empolgação do momento. Para garantir uma compra satisfatória, é importante que o comprador conheça o processo do leilão, as condições do veículo e as implicações de sua arrematação.

[]
1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right